Início / Anime / Sakata Gintoki – Especial #Gintama

Sakata Gintoki – Especial #Gintama

Resultado de imagem para Gintoki

Samurai, preguiçoso, com diabetes e vicio em pachinko. Sakata empunha uma espada de madeira onde quer que vá, ele foi baseado em dois personagens históricos, Kintarou parte de um famoso conto folclórico japonês e Sakata Kintoki hábil guerreiro que viveu durante o período Heian, curiosamente o personagem folclórico Kintarou foi supostamente baseado em Sakata Kintoki e Sakata Gintoki acabou tendo a influencia de ambos.

Gintoki junto de Sakamoto, Katsura e Shinsuke lutaram na guerra contra os Amantos (seres extra-terresetres) para impedir a invasão de Edo. Nesta guerra Gin recebeu a alcunha Shiroyasha (demônio branco) por sua voracidade na batalha e habilidade como samurai.

“A guerra que se originou da invasão dos Amantos a Edo é referencia a chegada dos estrangeiros ao Japão impondo seu modo de vida e cultura”

Resultado de imagem para Sakata Kintoki Heian Period
Kintaro, personagem do folclore japonês.

A algum período após o final da guerra Gintoki foi encontrado por Otose próximo ao tumulo de seu marido, assim o primeiro novo laço de Gin se cria em Edo. Otose o abriga pela situação em que o encontrou, desolado sem caminho ou teto e ele se dispõe a protegê-la dali em diante pela promessa que trocou no tumulo de seu marido.

Sakata é preguiçoso, mas também é trabalhador, gosta de leite de morango e é um exímio cozinheiro embora o anime mostre isso poucas vezes, mas já no inicio ele confeita um bolo na casa de Shinpachi. Constantemente perseguido por seu passado misterioso o Shiroyasha se faz de bobo em quase toda a hora onde o assunto não é sério, é um cara divertido, chulo e conhece todas as piadas sujas e referencias nerds sejam de jogo a cinema. Se Kenshin Himura de Samurai X tivesse uma contraparte essa seria Gintoki, ambos nutrem o mesmo senso pelo bushido, mas Sakata é o sentido literal da palavra “zoeira”.

Shinsuke e Sakata são rivais assim como Kenshin e Shishio, como ambas as séries tiveram personagens baseados na mesma época do japão entre a queda do regime Tokugawa e a restauração Meigi vemos que as semelhanças entre os quatro citados vão além da época e do anime, os comportamentos são parecidos, mas como estamos falando de Gintoki vamos continuando.

Ele também lembra DeadPool, porque ele sabe que é parte de um mangá, sabe que é parte de um anime, então mesmo os autores, diretores e empresas que publicam Gintama são alvos das motivações, piadas e justificativas de Gin San.

Resultado de imagem para Gintoki
Gintoki surpreso com o modelito da Ketsuno Ana.

A bokutou espada de madeira que sempre o acompanha tem os dizeres “Lago Toya” ela já foi quebradas quatro vezes – Uma quando Gin a sabotou na luta contra Kondou, outra quando Kagura tentou a proteger a todo custo, depois Nizo a quebrou com a Benizakura e por fim na luta contra Jirochou ela também foi quebrada. Essa espada tem particularidades nas mãos do Gintoki, a cada combate se torna mais resistente (até alguém quebrar é lógico), mas nas lutas mais impactantes a espada se torna tão resistente quanto o próprio Sakata.

Sakata Gintoki é órfão, foi encontrado por Shouyu, adotado e treinado por ele, Shouyu abriu uma escola para ensinar o bushido e essa foi a ligação entre Shinsuke, Katsura e Gintoki, sem esquecer quando Shouyu encontrou Gintoki ele era um garoto pequeno sentado em meio a corpos com uma katana maior que si mesmo, dali em diante Shouyu e Gintoki se tornaram um família.

Uma das frases curiosas trocadas entre os dois no tempo em que estavam no dojo:

Gintoki diz:
“Shoyu sensei, como eu faço pra me tornar forte o suficiente para te derrotar, o senhor parece um monstro?”

Shoyu responde:
“Basta se tornar fortes com suas mãos humanas Gintoki, só com as forças das suas mãos humanas você pode derrotar um monstro como eu.”

Resultado de imagem para Gintoki e Shoyo

Sobre João

João
Ainda ando por Lordran, mas vivo no universo 7 da vila de Konoha enquanto navego nos mares do novo mundo de um dojo qualquer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *